1 ator, 3 vozes, 4 flautas, violão e percussão. Obras renascentistas misturadas a elementos cênicos que evocam o universo de Dom Quixote de Cervantes.

O espetáculo “A Matéria do Sonho”, escrito por André Morais, fala sobre o universo de Dom Quixote com músicas de cancioneiros e compositores portugueses e espanhóis dos séculos XVI e XVII. A montagem estreou em julho no Festival de Inverno de Garanhuns, no agreste pernambucano. O Grupo Iamaká faz apresentações misturando música, artes cênicas e literatura. O grupo conta com a participação especial do ator. O Iamaká – É formado por professores, estudantes e egressos da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e pela Escola de Música Anthenor Navarro, que é responsável por resgatar as músicas antigas. Este trabalho foi iniciado em João Pessoa na década de 1990, com o Coral Universitário da Paraíba e o Grupo Anima, ambos ligados à UFPB.

 

O Iamaká agrupa três vozes solistas (Izadora França, Edd Evangelista e Micherlon Franca) e seis instrumentistas (Marco Barcellos, Guiomar Ribas, Renan Mendes e Eli-Eri Moura nas flautas doces, Vinícius Lucena no violão e Dennis Bulhões na percussão).


Discografia

  • Dilacerado (2015)

     
  • Bruta Flor (2011)

     

Vídeos

+ Vídeos

 

 

 

André Morais